Aos meu queridos leitores.

Aos meus queridos leitores,



Agradeço á todos pelo carinho, pelas palavras de incentivo, as críticas construtivas que me ajudam muito, muito mesmo.


espero que todos continuem visitando o Palhaço sem Cores, e que algo de belo, de intenso possa ser transmitido a todos vocês, seguidores e não seguidores.
Cheiros nos Corações!


sexta-feira, 2 de abril de 2010

Luxúria

Faz-me feliz, que te dou a vida
Faz-me de infante, que a carne será tua
Faz-me viral, que minhas lacunas se perderam
Faz-me de uma poetisa, que minhas angustias
Deixaram de ser tuas
Faz-me de louca, que meus devaneios serão esquecidos
Faz-me embriagar, que o álcool empalidecerá
Diante de meu ácido estômago
Faz-me aveludar, num tom grave e meu suor se torne presente
Faz-me mulher na relva da selva
Faz-me de atriz, comova minhas lágrimas
Faz-me nu, num corpo acobertado
Faz-me de herói, num plano sem vida
Faz-me, faça-me, busca-me.



-Shirlena Ferreira


4 comentários:

Giselle disse...

Belíssimooo! Ameei ! =) / Super tocante !

Flávia disse...

nofa ,tirou até o fôlego
bem profundo ,atorei

allana disse...

Ameeeei de verdade, isso foi lindo!!!
Vc me surpreende sempre com tamanha paixão pra falar sobre qualqer coisa!
Basta um sinal e tentarei fazer todas essas vontades se tronarem realidade!!! ;D

Rafael Oliveira disse...

Depois de Bukwoski só vc conseguiu me deixar excitado ao ler um poema, (brincadeira),

gostei mesmo desse